Podcast

BGS 2014 – The Witcher 3: Wild Hunt

the-witcher-3-combate-contra-o-grifo

Segura essa espada direito rapaz!!!

The Witcher 3: Wild Hunt é o terceiro capítulo da saga de Geralt of Rivia, baseado no livro escritor polonês Andrzej Sapkowski. Nem todo publico gamer conhecia, ou jogou os títulos anteriores.

 Mas em uma tentativa de trazer o jogo definitivamente para o mainstream, os produtores anunciaram 36 finais diferentes, e um mapa gigante. O que despertou a curiosidade dos jogadores e crítica especializada.

Na BGS desse ano, tive acesso a uma conferência à portas fechadas, onde foi mostrado 40 min de gameplay desse game de RPG, que já foi adiado diversas vezes. Michał Krzemiński, produtor sênior de arte do jogo não estava presente, pois ainda esta empenhado em seu término. Mas conversei com o gestor de projeto Tadek Zielinski, que nos deu detalhes e algumas revelações sobre o game. (Entrevista completa em breve no site)

O jogo está totalmente em português BR. O gráfico, como já havia sido mostrado em conferências abertas, está incrível. Mas logo entendi que o segredo desse gameplay focava muito pouco na batalha. E sim, em mostrar como os personagens secundários se relacionam com Geralt of Rivia. Há Muitos diálogos, o que para alguns poderia parecer maçante. Porém, faz muito bem o seu papel em sugerir que cada indivíduo possui um background interessante. Demonstrando que a história também será complexa.

No vilarejo existem muitas opções de histórias secundárias. Mas deve-se tomar cuidado, pois quando se escolhe uma missão outras podem desaparecer. O que muda drasticamente a forma que a história é contada. Causando reviravoltas realmente surpreendentes.

O objetivo desse gameplay certamente foi mostrar como o protagonista é afetado por todas essas pessoas. Todos querem algo dele, e vão tentar convencê-lo a fazer o que eles querem. E com um sistema de diálogo que lembra muito Skyrim, você escolhe se ajuda ou não cada ser ou pessoa que passa em seu caminho. O interessante é que cada um desses NPCs tem personalidades muito marcantes, sejam pessoas ou seres místicos. Mas cuidado, nem tudo é o que parece.

The-Witcher-3-Wild-Hunt-8Visual LINDIMAIS e monstros FEIDIMAIS!

Gameplay Narrado

“Começa com Geralt cavalgando com a cabeça do Grifon que ele derrotou no vídeo que foi divulgado. Ele chega na cidade e vai a taverna falar com a pessoa que encomendou o serviço. Sugere-se que eles já se conhecem a tempos, e Geralt quer informações da menina de cabelos prateados que desapareceu. Somos indicados a procurar uma senhora que mora com um ser chamado Johnny (ou coisa assim). Que gosta de cavernas e lugares escuros.

Chegando lá, ele encontra algo que parece uma criança com pele cinza, olhos amarelos gigantes e rosto enrugado. Essa “criança” não tem voz, e pede para que Geralt lhe ajude. Ele aceita, e enfrenta inimigos no pântano e recupera a voz do garoto após coletar um recipiente mágico. Ele leva até a senhora que mora com ele e pergunta sobre a mulher de cabelos prateados. Voce vê algumas crianças a volta. Ela diz que não sabe mas as 3 feiticeiras podem explicar.

Eles entram em uma sala onde tem uma tapeçaria na parede cercada por velas e símbolos místicos. A velha faz uma oração e de repente sua voz transmuta como se fossem 3 pessoas falando através de uma. Essas vozes entes de responder qualquer pergunta pedem que Geralt faça uma tarefa (como sempre). “Ajude um grupo de camponeses perdidos. Fazendo isso eles lhe darão um artefato que deve ser colocado em altar de pedra”. Ele aceita. (Fazer o que Né?!).

Chegando no grupo, eles dizem que tem uma criatura no pântano que cria seres perigosos, e pedem ajuda. Após Geralt dizimar mais uma horda de inimigos ele encontra uma espécie de planta que pulsa como um coração. Mas descobre que é um ser consciente. A planta tenta lhe convencer a ajudá-la dizendo que as crianças estão em perigo. Mas dessa vez, ele acha suspeito e decide eliminar a besta. (Enfim!!!) Enfrentamos uma “Boss-battle” e depois de derrota-lá, Geralt volta aos camponeses satisfeito pelo dever cumprido. ( O que acontece agora surpreende a todos) Um dos camponeses corta a própria orelha e dá ao protagonista. Esse se assusta e pergunta o por que de ter feito aquilo. Então o sujeito com um sorriso lhe diz: “Nesse mundo cada um escolhe seus protetores”.

Geralt pega a orelha e coloca em um altar de pedra com restos de sangue coagulado. No momento seguinte surgem as 3 bruxas personificadas. Seres gordos e nojentos. Fisicamente parecidas com humanas gordas e mutiladas. Possuem roupas justas expondo parte dos corpos gordos e decreptos.

Uma delas pegou a orelha e coloca em uma espécie de colar com outras orelhas. ( Nota-se que elas carregam sacolas com pedaços de corpos. E ao olhar a volta, já não vemos nenhuma criança). Uma delas conta que encontrou a mulher que procura. ( Cutscene: Elas levam a mulher para um quarto e após sairem comemoram com as mãos ensanguentadas.)

Nesse momento corta para Geralt com cara de ódio e espanto, e em algum lugar, a mulher que procura está presa e a beira da morte. Ou seja, mais uma missão espera por Geralt.

Texto: Marlos Sanuto

  • Jogo mais esperado de 2015 ou jogo mais esperado de 2015?
    Se o 2 já era bom e tinha opção de caminhos diferentes, imagina esse…
    Mas na verdade estou é ansioso para encontrar a Triss novamente.

    • Danlost

      Pena ela não estar na Globo, bela a Triss ela! ;D

  • ursinhomalvado

    O texto tem muitos erros de ortografia e digitação. "Tem uma faze “Boss” e (…)" e "(…) levando a mulher para um guarto (…)" são dois exemplos.

    Ainda não sei o que pensar deste jogo. Com uma estória tão rica e variada, parece muito tentador, mas é preciso testar a jogabilidade.

    • Danlost

      Vlw o toque, foi publicado uma versão errada do arquivo, eu mesmo revisei e corrigi esse texto, e essa versão será colocada no ar, vlw o toque cara.

    • O primeiro texto postado foi oque mandei pro Danlost corrigir pra mim pq tinha escrito as 2 da manha depois do 1o dia, e sabe la em que condições etílicas. Mas esse já esta até reescrito. Espero ter atendido os fãs que estão ansiosos pelo jogo.